sábado, 21 de março de 2015

Me ame de novo?


Mais uma vez. Na mesma cadeira. Com o mesmo copo.
Escuto o som do start de uma luta.
Assim começa...
Meu coração morre mais uma vez.
Como se isso não tivesse acontecido milhares de vezes.
Eu te pedindo pra ficar mais uma noite. Me dê mais uma noite.
Isso não existe. 
Isso é uma doença...
Fique mais uma noite. 
Eu sei ... Aconteceu mil vezes.
Eu não posso fazer isso ... De novo!
Nessa mesa, casa vazia, um copo de vodk que você me deu .
Como tudo faz sentindo quando se tem um cigarro na mão? Impressionante.
Baby, me ame de novo?
Venha a minha porta de madrugada, me faça fugir de casa.
Cubra de novo meu corpo com a proteção que eu ja esqueci.
Fique mais uma vez. Eu sei! Ja aconteceu mil vezes.
Soco!
Eu levanto outra vez. Sorrio e você sempre me encara inocente.
Baby, me ame de novo?
Fique mais uma noite.
Eu sempre te digo sim...
Me ligue de madrugada pra brigar comigo.
Seja você , mais uma vez?
Uma rasteira.
Eu levanto rápido. Não consigo ficar muito tempo no chão.
Você me levanta , como se golpes nos sentimentos não doessem na alma.
trago o cigarro, gole na vodk e sigo em frente.
Te digo não . Mas meu corpo diz sim. 
E te peço de novo .
Me ame?
Começo a estudar os Filósofos e eles mentem.
Mentem descaradamente pra mim.
Dizem que pra ter poder vc precisa se corromper.
E você não percebe ... que seria incapaz de machucar você!
Seria possivel não me machucar?
Não!
Você me joga ao chão e você que luta jiu jitsu não sabe o que é ter 100 kilos, de verdade, em cima de você.
Eu sei!
Protejo minha cabeça , é a unica coisa que me resta!
Isso ja aconteceu mil vezes.
As lagrimas no Meu rosto na verdade são suor ...
Por favor, volte a me amar.
Esqueça seus problemas eles são nossos.
Apago o cigarro.
Bebo o Ultimo Gole de vodk e volto a viver.









Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...